Adicionado por em 2015-02-18

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.


tumblr_luto8hz7qg1r2canjo1_1280_largepor Celso Machado

A vida nos proporciona privilégios inestimáveis e, seguramente, um deles é desfrutar do convívio com pessoas especiais. Dessas que fazem um bem danado conviver com elas. Pelo que são, a forma como agem, pelo que nos acrescentam. Pelo exemplo de generosidade e grandeza. De bondade e humanismo.

Elas são tão naturais em seus comportamentos que quase passam despercebidos. Atributos que são diferenciais passam a ser vistos como características. E, por isso, na maioria das vezes, ainda que as tenhamos como especiais não falamos isso para elas.

Não formalizamos nosso respeito, nosso reconhecimento, nossa gratidão. Perdemos nós, não elas. Porque perdemos a oportunidade melhor do espetáculo da vida, que é aplaudir seus melhores protagonistas. As pessoas simples, discretas, humanas, amigas. Solidárias. A querida Graciete Maria Frutuoso era uma delas. Já tive e tenho tido oportunidade de conviver com pessoas corretas. Dessas que fazem tudo certinho. Na vida profissional, na pessoal, na social. Mas igual a ela é difícil.

Superdiscreta, transitava pelos diferentes ambientes com naturalidade e leveza. Sem chamar atenção, mas sempre servindo. Disponível, solidária. Amiga, ajudava todos em tudo. Era tão reservada, que, se tinha defeitos, e, certamente, os tinha, os, guardou só para si. Ou, no máximo, para os poucos com quem compartilhava de sua intimidade. Nunca a ouvi falar mal de alguém, mas bem sim. E inúmeras vezes.

Cuidava com o maior carinho e responsabilidade de suas atribuições e de tudo mais. Ia além do fazer bem-feito, era uma cuidadora. Cuidava de tudo, toda hora. Cuidava dos outros e dela própria. No trabalho, nos hábitos, na conduta. Disciplinada em tudo e por tudo, seu nome era referência de confiança, de segurança, de pontualidade. Passada uma atribuição para ela, nunca era preciso perguntá-la como estava o andamento. Ela mergulhava nela e resolvia.

Rígida, não era de brincadeiras, porque sempre estava compenetrada no que estava fazendo.Certamente, foi mais rígida com ela mesma, não se permitindo errar, falhar, esquecer. Não conseguir atender no tempo e na hora. Triste perdê-la, mas felizes todos que pudemos conhecê-la e compartilhar do seu jeito tão especial e singelo de ser.Ela foi simplesmente tudo isso e ainda mais. Foi, simplesmente, Graciete. E sua recordação vai ficar permanente em todos com quem conviveu. Ela vai ficar para sempre Graciete.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Categoria:

Mineiridades

Tags:

Deixe um Comentário